quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

O que é ter dignidade?

A razão fundamental pela qual ninguém tem o "direito" de matar-se ou ajudar outros a fazê-lo é a de todos nós termos uma dignidade, ou seja, um valor intrínseco inalienável e, portanto, valores assim não se destroem. Protegem-se e amam-se.
Se eu perder o sentido da minha própria dignidade, isso equivale a perder a minha auto-estima e a minha saúde mental. Nesse caso, preciso que me ajudem a recuperar a autoconsciência do meu próprio valor como pessoa, e não que me ajudem a "liquidar-me".
Adolfo J. Castañeda, Human Life International

Sem comentários:

Publicar um comentário